Perfil

Kaio Joan

Seja bem-vindo ao Conteúdo Masculino! Me chamo Kaio Joan, e o principal intuito de ter criado o blog, lá em meados de 2016, foi a despretensiosidade de poder compartilhar e absorver informação sobre moda masculina e lifestyle.

O conteúdo está à disposição. Espero que goste!

05 fevereiro 2019

Minoxidil: dicas para tratar calvície e queda de cabelo

Hoje o assunto é cabelo! As questões ligadas à calvície e principalmente à queda de cabelo são comuns tanto em homens quanto em mulheres, e suas causas são diversas: genética, estresse, mudanças hormonais. Para reverter esse processo, o tratamento com Minoxidil é considerado o único método realmente seguro e confiável. Clica e vem saber mais!
Tratamentos naturais e até procedimentos estéticos... são tantas opções que o mercado oferece. Mas foi apenas com um remédio que tive resultados satisfatórios - estou falando do Minoxidil, que no meu caso auxiliou no crescimento da barba.

O que é Minoxidil?

Destaque em diversos países do mundo, o Minoxidil teve sua eficiência contra a calvície descoberta por acaso. A princípio, ele era usado somente na forma de comprimido para diminuir a pressão arterial em pessoas hipertensas, porém com o passar do tempo, foi observado que ele causava o crescimento de pelos no corpo dos seus usuários. Com a comprovação de que o medicamento funciona efetivamente contra a calvície, foram desenvolvidas loções com o medicamento, visado não apenas combater a queda de cabelo como também fortalecer os fios para o seu crescimento.


Como o Minoxidil funciona?

Segundo pesquisas, o Minoxidil age através do estímulo da circulação do sangue, permitindo que o oxigênio e os nutrientes atinjam a raiz dos cabelos em maior quantidade. Assim, ele atua de modo direto no desenvolvimento do couro cabeludo, contribuindo para o crescimento de fios mais longos e mais espessos, além de acelerar a reposição dos fios que haviam caído.

O tratamento para calvície com Minoxidil acontece em diferentes etapas e o tempo de resposta ao medicamento varia de pessoa para pessoa. É comum que em um primeiro momento, os fios caiam ainda mais, para na sequência começarem a crescer com força. Lembre-se que o medicamento é um tratamento não-definitivo, já que ainda não há cura permanente para a calvície.

Depois de começar o tratamento, você poderá observar resultados do Minoxidil a partir de 6 a 8 semanas. A partir das 12 ou 16 semanas, esses resultados já deverão ser mais significativos e o método pode se estender de 2 até 4 anos.


Como usar o Minoxidil?

O uso do Minoxidil varia conforme o tipo do medicamento. O indicado é que você opte por tônicos capilares em vez de comprimidos, podendo escolher as loções, cremes, espumas e géis. Há duas opções de concentração do medicamento, 2% e 5%, havendo pouca diferença de efeito entre elas. Contudo, mulheres devem evitar a concentração 5% porque pode estimular um crescimento indesejado de pelos em outras partes do corpo.

O produto precisa ser aplicado duas vezes, diariamente, nas regiões afetadas. O couro cabeludo deve estar seco e, depois da aplicação, você deve esperar no mínimo quatro horas até molhar a área. Ao colocar o remédio, massageie bem o local para que o contato com o couro cabeludo seja eficiente.

Como mencionado, os resultados demorar a aparecer, então você deve ser paciente. Além disso, a combinação com outros métodos é importante para que os eles se completem e você tenha mais sucesso no tratamento para calvície. Lembre-se ainda que pessoas com mais de 40 tendem a obter uma melhora um pouco menos significativa do que em pessoas mais jovens.



Cuidados antes de iniciar o tratamento

Como qualquer tratamento com remédios a longo prazo, você deve ter alguns cuidados básicos antes de dar início ao uso de Minoxidil:

  • Faça tudo com o acompanhamento de um médico especializado. Nunca comece a usar esse tipo de medicação por conta própria;
  • Avise seu médico e seu farmacêutico se você estiver fazendo uso contínuo de outros remédios, independentemente da sua finalidade;
  • Avise também se você possui histórico de problemas no coração, fígado, rim, ou no próprio couro cabeludo;
  • Em casos de calvície feminina, a mulher deve avisar se tem planos de engravidar em breve ou está amamentando. Da mesma forma, é essencial informar o seu médico se, durante o tratamento, acabar engravidando;
  • Como o Minoxidil pode deixar a pele sensível à luz solar, tenha cuidado com exposições prolongadas ao sol. Se for inevitável, utilize óculos de sol e protetor solar.


Efeitos colaterais do tratamento com o Minoxidil

É comum que todos os medicamentos tenham algum tipo de efeito colateral e com o Minoxidil não seria diferente, ainda mais sendo um remédio de longo período de tratamento. Por essa razão é indispensável o acompanhamento de um médico para prescrever o uso adequado para cada paciente.

Entre os seus efeitos colaterais mais conhecidos estão surgimento de coceiras e caspa no couro cabeludo; grande queda de cabelo nas primeiras semanas; dores na cabeça, cabelo mais oleoso; vertigem; e taquicardia. Se em qualquer momento do tratamento você sentir algum desses sintomas, informe o seu médico imediatamente.

Onde comprar o Minoxidil?

O Minoxidil é facilmente encontrado e, além de poder ser adquirido em farmácias comuns, tem como opção as marcas de manipulação, como acontece na UnicPharma. Dessa forma, você adquire o seu remédio para calvície com qualidade e segurança, podendo personalizar de acordo com o seu perfil e e suas necessidades. Além disso, você consegue escolher qual o tipo de solução que deseja e também qual método prefere seguir durante o tratamento.

No meu caso, para o crescimento da barba, utilizei a loção. Os resultados foram satisfatórios e fica a minha indicação - pessoal mesmo - para vocês. Espero que tenham curtido o post. Qualquer dúvida estou por aqui :)


0 comentários:

Postar um comentário

Vídeo da Semana