Perfil

Kaio Joan

Seja bem-vindo ao Conteúdo Masculino! Me chamo Kaio Joan, e o principal intuito de ter criado o blog, lá em meados de 2016, foi a despretensiosidade de poder compartilhar e absorver informação sobre moda masculina e lifestyle.

O conteúdo está à disposição. Espero que goste!

24 setembro 2019

Setembro verde: Conheça 7 hábitos que ajudam na prevenção do câncer de intestino

É sempre bom falar de saúde aqui no blog. O que muita gente não sabe, é que o mês de setembro tem um calendário marcado por temas relacionados à saúde, entre elas a Campanha de Conscientização do Câncer de Intestino. De acordo com dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA), este tipo de tumor está entre os primeiros na lista dos diagnosticados com mais frequência entre os brasileiros. Nos homens, a incidência está atrás do de próstata e dos tumores de pulmão. Entre as mulheres, ele é o segundo mais frequente, após o de mama. Vem saber mais sobre o assunto.
O câncer colorretal é caracterizado pelo tumor que se instala nas regiões do cólon e reto. Pode ter como causa maus hábitos de vida ou hereditariedade, sendo mais comum em pessoas com mais de 50 anos. Por esse motivo, é a partir dessa idade que o exame de colonoscopia é normalmente indicado. A colonoscopia é importante para a prevenção e detecção de câncer intestinal, pois faz a análise completa das estruturas do órgão.
Caso o diagnóstico seja precoce, a doença tem tratamento e pode alcançar a cura. "Quando diagnosticado em fase inicial e tratado corretamente, o câncer de intestino pode ter mais de 60% de chances de cura, alcançando taxas ainda maiores quanto mais precoce for descoberta a doença. É preciso sempre buscar ajuda de um especialista e ter disciplina ao seguir as orientações médicas para viver com mais saúde e qualidade de vida", ressalta o Dr. Artur Ferreira do Hospital 9 de Julho.
A seguir, o Dr. Ferreira lista sete bons hábitos que auxiliam na prevenção ou no tratamento do câncer de intestino:

1-Pesquise seu histórico familiar - O câncer de intestino não costuma apresentar sintomas no estágio inicial. Por isso, é importante verificar se na sua família há pessoas com histórico do tumor. Em caso afirmativo, marque consulta com um especialista para a realização de exames preventivos.


2-Tenha atenção ao peso do seu corpo - Ir ao médico periodicamente e pedir para que ele calcule seu Índice de Massa Corpórea (IMC) pode ajudar. "Trata-se de um método adotado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) para determinar o peso ideal de cada indivíduo, com base na relação entre peso e altura da pessoa. "Quanto maior o grau de obesidade, mais chances de desenvolver a doença. explica o especialista.


3-Saia do sedentarismo - Incluir exercícios físicos na rotina diária gera diversos benefícios à saúde, incluindo o bem-estar do corpo e da mente, além do melhor funcionamento do intestino. Uma simples caminhada diária de 30 minutos beneficia, e muito, o organismo.


4-Alimente-se de maneira saudável - Prefira sempre consumir alimentos naturais, como verduras, legumes, cereais integrais, grãos e sementes. A ideia é que, com uma dieta rica em fibras, vitaminas, proteínas, carboidratos e sais minerais, seu intestino funcione de maneira mais adequada. Além disso, o bom hábito também contribuirá para o controle do seu peso corporal.


5-Beba água - A água, quando associada a uma alimentação adequada e rica em fibras, auxilia no bom funcionamento do intestino, evitando a prisão de ventre.


6-Dê atenção aos sinais do seu corpo – Em alguns casos, o paciente descobre que está com câncer de intestino após apresentar sinais e sintomas como com sangramento nas fezes, dor abdominal, perda de peso, anemia ou mudança de hábito intestinal. Nem sempre esses sintomas resultam no diagnóstico do tumor, mas sempre precisam ser investigados para a busca de diagnóstico e tratamento específicos.


7-Não adie o diagnóstico - Caso seu médico desconfie da existência do câncer de intestino ou de qualquer outra patologia no seu corpo, seja a primeira pessoa a colaborar com o processo de cura. No caso do tumor, a colonoscopia é o exame indicado para o diagnóstico. Este exame permite ao médico analisar o revestimento interno do intestino através de um dispositivo fino e flexível com uma câmera microscópica, que filma o interior do intestino.

O Dr. Ferreira destaca que é possível tratar e, quando diagnosticado precocemente, curar o câncer de intestino. Mas, para isso, é necessário ter a colaboração do paciente que deve informar o histórico familiar, adotar bons hábitos e buscar um especialista quando observar que algo não vai bem. "No caso do diagnóstico positivo, o tratamento pode variar de acordo com o tamanho, a localização e a extensão do tumor. Mas, em geral, pode passar pelas etapas de cirurgia, radioterapia ou quimioterapia. Após a cura, é fundamental manter o seguimento clínico com o oncologista até que o mesmo dê alta".

Cuidar da nossa saúde é fundamental. Até o próximo post com mais novidades!



0 comentários:

Postar um comentário

Vídeo da Semana